logomarca

As Mais Tocadas

  • 1
    Luis Fonsi & Daddy Yankee ft. Justin Bieber Despacito
    Luis Fonsi & Daddy Yankee ft. Justin Bieber Despacito
  • 2
    DJ Khaled ft. Rihanna & Bryson Tiller Wild Thoughts
  • 3
    Bruno Mars That's What I Like
  • 4
    DJ Khaled ft. Justin Bieber I'm The One
  • 5
    French Montana ft. Swae Lee Unforgettable
  • 6
    Ed Sheeran Shape Of You
  • 7
    Imagine Dragons Believer
  • 8
    Shawn Mendes There's Nothing Holdin' Me Back
  • 9
    Sam Hunt Body Like A Back Road
  • 10
    Charlie Puth Attention

Acompanhe-nos

Visitantes


Você é o visitante número 73015.
  • Você está em:
  • Página inicial »
  • »
  • Sony entra em acordo com família de Marvin Gaye na disputa em torno de “Blurred Lines”

Sony entra em acordo com família de Marvin Gaye na disputa em torno de “Blurred Lines”

imprimir tamanho da letra: A- normal A+

A Sony e os herdeiros de Marvin Gaye chegaram a um acordo sobre as disputas que envolviam o hit de Robin Thicke, “Blurred Lines”, segundo noticiou o site da revista The Hollywood Reporter. Os termos da negociação não foram divulgados, mas a Sony/ATV agora não terá que defender os direitos de “Blurred Lines” e “Got to Give it Up”, de Gaye, já que o caso envolverá especificamente o espólio do lendário cantor, por um lado, e Thicke e a EMI, sua gravadora, do outro.

Thicke, assim como os co-autores Pharrell Williams e T.I., tiveram ações preventivas em agosto para garantir juridicamente que a música deles era diferente do clássico de Gaye, e os herdeiros do cantor responderam e acusaram a EMI não apenas de não proteger a obra de Gaye como de tentar impedir que a família afetasse o sucesso de “Blurred Lines”. O presidente da empresa reclamou que a família estava “estragando uma música incrível” e “matando uma galinha de ovos de ouro”.

Além de receber compensação financeira por “Blurred Lines”, a família de Gaye pretende também se desvencilhar da EMI. Embora o acordo represente que a Sony/ATV não terá que defender sua imparcialidade, é possível que, se o caso chegue ao tribunal, a defesa de Thicke convoque a empresa para testemunhar porque as duas músicas são diferentes. O acordo isenta a Sony da posição inconfortável de ter que defender sua presença de 30% do mercado fonográfico e dos conflitos inerentes a esta posição – como no caso.

 

Apesar da batalha legal, “Blurred Lines” ajudou Thicke a ser nomeado para três categorias do Grammy – Gravação do Ano, Melhor Performance de Duo/Grupo Pop e Melhor Álbum Pop. Thicke também se apresentará na edição deste ano da premiação, que acontece no dia 26 de janeiro, em Los Angeles.

Fonte: rollingstone

Deixe seu comentário
Sem comentários cadastrados.
 

Peça sua música

x

Faça aqui o seu pedido musical para o locutor atual: